Transporte de Animais em Veículos

D

 

Para viagens ou até mesmo passeios na cidade, é preciso transportar o seu animal de estimação de forma segura e adequada. O uso de cintos, coleiras ou caixas de transporte são a melhor forma de garantir que o seu pet viaje tranquilo. Ainda, o animal deve estar sempre no banco de trás, para não comprometer a segurança e a atenção do motorista.

Segundo o Artigo 235 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a condução errada de animais em veículos acarreta multa de R$ 127,69 além de somar cincos pontos à Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ainda, o condutor pode ter o carro retido como forma de regularizar a situação.

Existem equipamentos e formas de transportar cada tipo de animal:

Cães – Caixas de transporte (indicado para viagens longas) ou cintos e coleiras, que ficam presos ao cinto de segurança do carro.

Gatos – devem ser transportados apenas em caixas, pois se assustam com facilidade, evitando que se machuquem ou fujam.

Peixes – devem ser transportados sempre em sacos de plástico.

Pássaros – transportados em gaiolas cobertas com um pano, para o animal não se estressar com a viagem.

É importante também, em casos de viagem, apresentar sempre o atestado de saúde do animal (Carteirinha de Vacinação). A documentação comprova que a saúde do pet está em dia e que ele pode viajar tranquilo. Portanto, fique atento: transporte o seu animalzinho de forma adequada para o passeio ser seguro para você e para ele.